Postagens populares

domingo, 4 de março de 2018

Portugal está na moda e isso lhe valeu em 2017 receber 22 milhões de turistas dos quatro cantos do planeta, um número superior ao dobro de sua população de 10 milhões de habitantes. O Brasil participa da Bolsa de Turismo de Lisboa apresentando novos atrativos e destinos turísticos ao trade internacional e mostrou o interesse do nosso País receber um maior número de turistas portugueses

Luiz Machado, Embaixador do Brasil em Portugal; António Costa, primeiro-ministro de Portugal; Fátima Vila Maior, da BTL, e Gilson Lira, da Embratur, no estande do Brasil na BTL 2018


Portugal é considerado um mercado prioritário para o turismo brasileiro. Na lista dos turistas que mais visitam o Brasil, o país ocupa a 5ª posição em âmbito dos países europeus. 

Por isso, com o objetivo de apresentar novos atrativos e destinos turísticos brasileiros ao trade internacional, a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) participa, da edição da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa -, que acontece até hoje (domingo, dia 4).

Além dos destinos já conhecidos pelo turista português, Rio de Janeiro e São Paulo, Salvador, Ilhabela, Caraguatatuba, São Sebastião (SP), além dos estados de Pernambuco, Amazonas, Mato Grosso, Alagoas, Rio Grande do Sul, Paraíba e Pará, estarão presentes no estande da Embratur. 


A exposição do Brasil também contará com o setor privado, com operadores de turismo, meios de hospedagem e companhia aérea.

O programa de hosted buyers (compradores internacionais), apoiado pela Embratur, também se apresentará como ferramenta de geração de negócios para o Brasil durante a feira. 

Os operadores russos, britânico, francês e italiano se reúnem com os representantes do trade brasileiro no estande da Embratur.

Para o presidente Vinicius Lummertz, a feira é, ainda, o momento ideal para estreitar a relação com os profissionais do setor e fortalecer a imagem da marca Brasil no exterior. 

“Precisamos fortalecer a imagem do País, garantir mais negócios e gerar emprego renda no turismo brasileiro, setor que movimenta 52 setores da economia do nosso País”, destaca.

Reunião de relacionamento com representantes do Brasil, Cabo Verde e Portugal

Além das ações de relacionamento, a Embratur participou de um encontro promovido na Embaixada do Brasil em Portugal, pela Transportes Aéreos de Cabo Verde (TACV), para tratar da possibilidade de novos voos operados pela empresa. A ideia dos representantes da TACV é fazer com que os voos que partem da Europa passem pelo país. 

“A Embratur busca ampliar a conectividade com mercados prioritários, com o objetivo de potencializar a competitividade do país e diversificar os destinos brasileiros comercializados”, completou Raíssa Neumann, técnica especializada da Coordenação de Inteligência Competitiva e Mercadológica, da Embratur. 
Postar um comentário