Postagens populares

domingo, 22 de abril de 2018

1º Fórum Gramado de Estudos de Turismo leva à Serra Gaúcha especialistas de turismo e se revela sucesso absoluto. Conheça importantes pontos turísticos de Gramado visitados por jornalistas da Confraria Nacional dos Jornalistas de Turismo.



Mais uma vez, o jornalismo de Turismo teve na semana de 12 a 14 deste mês de Abril uma atividade intensa, com a realização, na serra gaúcha, do 1º Fórum Gramado Estudos de Turismo, que debateu um importante tema em discussão no mundo: Turismo como ciência a serviço do  desenvolvimento sustentável do País.



Patrocinado pela Prefeitura de Gramado, realizado pelo Sindetur Serra Gaúcha e organizado pela empresa Rossi & Zorzanello com o apoio de empresas do trade, logo na instalação do evento, o ex-vice-presidente Executivo na TAP e membro do Turismo de Lisboa, Luiz da Gama Mór, quem coube fazer a palestra de abertura, "O Turismo ao serviço do Desenvolvimento do País" colocou em causa normas que considerou inadequadas aos tempos de transformação que vivemos e asseverou que inovações, como, por exemplo, o Uber, não voltarão mais atrás.



Temas como "Inovação", "Turismo, o negócio do futuro";
"Marcos Regulatórios para destinos turísticos" e ainda  "Governança Turismo e  Cultura: Desafio do Brasil (Cidades Históricas), foram também debatidos pelos palestrantes, entre eles o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, que abordou um tema na pauta da atualidade do turismo mundial: "Cidades inteligentes e turismo contemporâneo: como conciliar?"

Grega lembrou que Curitiba foi uma das primeiras cidades brasileiras a adotar o planejamento urbanístico como princípio. "O Centro Cívico foi o primeiro do País, idealizado, em 1940, pelo urbanista francês Alfred Agache e implantado em 1953", realçou.

Segundo o prefeito, Curitiba volta-se, hoje, para o Vale do Pinhão, uma iniciativa que proporciona um ambiente adequado a startups e empresas com ideias inovadoras desenvolverem seus projetos.

Mas Rafael Greca deixou um recado, uma lição infalível que serve para todas as cidades que se dedicam, ou pretendem explorar o turismo como atividade econômica: "Uma cidade só serve para ser visitada, se for boa para seus habitantes".

Entre os aspetos que devem ser referenciados pelos administradores da cidade está o cuidado com o aspeto ambiental, na opinião do prefeito. Ele citou Curitiba como exemplo, ao revelar que a cidade tem mais de 40 parques e bosques e cerca de 102 milhões de metros quadrados de áreas verdes.

"Os parques, além de fomentarem o turismo e o lazer são mecanismos de contenção de cheias dos rios", ensinou, ao contar que o Parque Tanguá é um dos preferidos pelos passageiros da Linha de Turismo de Curitiba.

Greca fez uma advertência séria sobre a qualidade do transporte público que a cidade oferece a seus habitantes, ela precisa ser de boa qualidade e eficiente, pois é a mesma que os turistas utilizarão nos seus deslocamentos para a conhecerem.

Para incentivar a captura de eventos para Curitiba, o prefeito disse que baixou a alíquota do ISS de 5% para 2%, o que incentivou as empresas de turismo e eventos a levarem para a cidade um maior número de feiras, congressos, seminários, shows e exposições.

Para ele, a inovação, a qualidade de vida e a valorização da identidade cultural são aspetos importantes no desenvolvimento de uma cidade. 


Snowland - neve o ano todo
Especialmente convidada para o Fórum Gramado de Estudos Turísticos, a Confraria Nacional dos Jornalistas de Turismo participou não apenas do evento mas realizou também visitas técnicas para divulgação de pólos turísticos de Gramado e Canela, como o complexo Snowland, o 1º parque in door das Américas.


Situado no bairro Carrazal, a 10 minutos do centro de Gramado, na estrada RS 235, para Nova Petrópolis, no número 9.009, encontra-se o Snowland, envolvido numa temperatura entre -3º e -5º, o ano todo, onde se pode esquiar na neve de verdade, entre outros divertimentos em que não faltam Tubing, Snow Play, Oficina do Tio Urso, Hot Café, Espetáculo Flokus e Escola da Neve.


O Snowland foi criado para garantir o divertimento de toda a família, onde não falta um Vilarejo Alpino inspirado nos Alpes suíços, e uma pista de snowboard de 120 m de extensão, localizado na área de neve de 8 mil m2, encerra todas as quartas-feiras para manutenção geral. 


Mais informações sobre o Snowland, acesse o site www.snowland.com.br ou entre em contato através do telefone (54) 3295.6000. 


Coelho Café Colonial
Uma das especialidades de Gramado, inspirada na tradição e na cultura da cozinha alemã, levada para a região pelos antepassados germânicos, é o famoso café colonial, que as famílias ainda cultivam nos finais de semana, com mesas repletas de cucas, pães, apfelstrudel (torta de maçã), schmier, nata, queijo, salame, mel, queschmier, morcilias, conservas, chocolate quente, café, chás, wafles, tortas e ainda vinho tinto e vinho branco e ainda no buffet Fondue de Chocolate Branco e Preto com três frutas da estação.


Essa mesa farta é oferecida no Coelho Café Colonial, um dos mais tradicionais restaurantes de Gramado, localizado na Av. das Hortênsias, 5.433 (avenida central da cidade). 
Mais informações e reservas pelo tel. (54) 3286-2538.



Colosseo, o Fondue ao piano

Referência gastronômica da cidade, o restaurante Colosseo foi outro local visitado pelos membros da Confraria Nacional dos Jornalistas de Turismo que agradou pelo ambiente requintado, o atendimento atencioso e profissional e os inesquecíveis fondues, de carnes, na pedra, de queijos, de legumes e encerrando de chocolate, tudo regado a um bom vinho da rica e diversificada adega da casa.


Para tornar o jantar mais agradável ainda, o ambiente  é borrifado por refrescantes gotículas de notas musicais  irradiadas das mãos de um jovem pianista que torna as noites do Colosseo encantadas.


O restaurante fica na Avenida das Hortênsias 1560. Para informações e reservas pelo tel. 54 3286.7259 ou e-mail: colosseo@restaurantecolosseo.com.br.


Garfo e Bombacha
No último dia da Confraria em Gramado, os jornalistas ainda conheceram a Churrascaria Garfo e Bombacha, na Estrada do Caracol, km 2, em Canela, com cerca de 30 anos de funcionamento ininterrupto.


A casa, com capacidade para 950 pessoas, apresenta, somente ao jantar, um show de música e danças gaúchas - chula, chote, vaneirão, dança do pau de fita e outras clássicas, além de ritmos latino-americanos.


Para reservas e informações:  contato@garfoebombacha.com.br(54) 3278.3077 | (54) 99978.5953 - (54) 98129.5587.

Caracol
Há 30 anos fabricando chocolate de alta qualidade, de cacau produzido nas plantações próprias da Bahia, a Caracol Chocolates iniciou sua atividade na cidade de Canela, em 1982, quando inaugurou a primeira fábrica com o nome homenageando a Cascata do Caracol, um dos pontos turísticos mais visitados da região. 

Em 2001, a empresa decidiu
transferir a fábrica para Gramado, onde se tornou a precursora na fabricação de chocolates na Serra Gaúcha. 


Até então, o chocolate não era produzido nas fábricas locais, mas apenas derretido e convertido em produtos. A Caracol, então, começou a fabricar o próprio chocolate, priorizando a qualidade e a pureza, sem usar nenhuma outra fonte de gordura, apenas a da manteiga de cacau e a do leite, sem adição de gordura hidrogenada e, portanto, zero gordura trans.


Ponto turístico de Gramado, a Caracol Chocolates oferece uma visita à fábrica, que se inicia com o turista montando o próprio chocolate, e em cujo percurso é contada a história do chocolate no mundo, desde a época Maia, passando pelos Astecas, chegada à Europa, em 1502, pelas mãos de Cristovão Colombo. Depois passou pelo reino de Luiz XIII, mas só em 1789, Rodolpho Lindt, apurou a fabricação como se apresenta hoje.
Entretanto, o chocolate preparado pelo visitante, já passou pelo processo de secagem e será levado como um doce souvenir no final do tour.


A Caracol Chocolates localiza-se na Rua Santa Rosa, 173. Bairro Carniel. Para informações sobre a visita: contato@caracolchocolates.com.br | Tel. (54) 3286.1533


Brocker Turismo
O transporte do jornalistas da Confraria de Turismo foi realizado, a partir do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, para Gramado, pela empresa Brocker Turismo, especializada em turismo pela Serra Gaúcha. 



A matriz da empresa está situada em Canela, e em Gramado possui uma loja conceito que oferece venda de passeios, tickets Bustour e central de ingressos para diversos parques, espetáculos e atrações de Gramado e Canela além de ser um ponto de apoio dos passageiros, ao lado da praça Major Nicoletti, além de uma loja no Aeroporto Internacional Salgado Filho.




Postar um comentário